História

A mulher teve gêmeos aos 64 anos e acaba de perder a custódia devido à sua situação de risco

O nome dela é Mauricia Ibáñez, e ela tem 64 anos. Mora na Espanha e a notícia causou alvoroço em todo o mundo, após sua decisão de ser mãe nesta idade.

A mulher teve gêmeos aos 64 anos e acaba de perder a custódia devido à sua situação de risco

O nome dela é Mauricia Ibáñez, e ela tem 64 anos. Mora na Espanha e a notícia causou alvoroço em todo o mundo, após sua decisão de ser mãe nesta idade.

Mauricia foi fertilizada nos Estados Unidos, onde teve gêmeos que nasceram em 14 de fevereiro. Ela conseguiu, pela segunda vez, ser mãe.

Ela já tem uma filha e diz que a ciência, a medicina e a vida lhe deram o bem de ser mãe de novo e de gêmeas.

A comunidade onde vivia, após denúncia dos serviços sociais, deu início a um processo de acompanhamento e concluiu que a cidade de Palacios Sierra, na Espanha, não é um lugar adequado para as crianças crescerem.

Informaram que a casa não apresentava as condições sanitárias necessárias para que Mauricia pudesse criar seus filhos. O Serviço Social da cidade , tomou a custódia dos 3 filhos menores de Mauricia e a acusaram de negligência infantil.

Essa história se repete para Mauricia, que também perdeu a custódia de sua filha de 6 anos, Blanca, que agora mora no Canadá com parentes.

Os laudos nos param por aí, há também outros dados que afirmam que Mauricia tem uma deficiência por conta de distúrbio psicológico. Mauricia se defende e afirma que tudo isso é injusto e que ela quer esclarecer a verdade.

A mulher continuou a lutar e apresentou relatórios médicos indicando sua boa saúde. Porém, os serviços sociais, após ler e avaliar todos os aspectos, disseram que ela precisava de ajuda 24 horas para cuidar dos bebês e que eles estavam em risco.

A advogada Sáiz, advogada de Mauricia, disse que está muito triste e arrasada com a notícia.

A idade de Mauricia é o ponto mais importante, e também o fato de que ela já perdeu a guarda de sua primeira filha. Apesar dos relatos e evidências apresentadas pelo advogado e Maurica, o tribunal emitiu ordem para retirar os menores da casa da mãe e colocá-los em lares adotivos.

Fonte: El País

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.