Inspiração

Idoso de 94 anos vence a solidão abrindo uma piscina para as crianças de seu bairro

Idoso de 94 anos vence a solidão abrindo uma piscina para as crianças de seu bairro

Não é segredo para ninguém que muitas famílias colocam seus entes queridos de lado, principalmente se eles já são muito velhos. Infelizmente, a sociedade atual consegue colocar os adultos mais velhos de lado com uma facilidade surpreendente.

Mas felizmente nesta vida tudo tem solução e este homem de quase 100 anos conseguiu combater esta terrível solidão com uma ideia única e maravilhosa.

“Adoto todas as crianças do bairro com a criação dessa piscina maravilhosa, é a única pública que temos, os filhos são felizes e ele vê todos como netos que ele nunca teve”.

Keith Davison é um adorável avô de 94 anos, pai de três filhos adultos, mas que infelizmente ainda não teve a alegria de lhe dar netos. Sua esposa Evy morreu de um câncer terrível após ter passado 66 anos de sua vida com o amor de sua vida.

«No dia que a minha Evy morreu afundei na solidão, bebia todos os dias, estava mesmo desorientado, sentia-me sozinho e foi aí que as palavras dela me vieram à cabeça, ela sempre quis que os nossos netos corressem pelo quintal da nossa casa , mas como nunca poderíamos tê-los, me ocorreu fazer uma piscina para todas as crianças da vizinhança.

Este juiz aposentado iniciou o projeto maravilhoso, mas primeiro ele consultou uma de suas vizinhas, Jessica Huebner, que é mãe de 4 filhos.

“Quando tive a ideia achei que fosse uma piada, mas quando vi que ele trazia os engenheiros e que o trabalho estava começando, vi como todas as crianças estavam muito animadas”.

A inauguração desta piscina foi em julho de 2019 e desde então não há um único dia que este adorável avô fique sozinho em casa.

«Agora tenho muitos netos, abraços e risos, ter todos na minha vida ajudou-me a sair do buraco em que me encontrava. Eles com sua inocência me resgataram ».

Todos os pais da vizinhança são muito gratos pela alegria que Keith traz a todos os pequenos todos os dias.

“A única condição para entrar na piscina é que cada criança venha com o seu representante ou avô, não queremos que aconteça um infortúnio”.

Esta piscina tem um trampolim e tem mais de 3 metros de profundidade, pelo que todos devem estar muito atentos na hora de vir desfrutar de um dia de sol.

Não se esqueça de compartilhar esta publicação e nos deixar seu comentário sobre a incrível ideia desse avô de combater a terrível solidão.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.