Histórias reais

Ele doou um rim para a sogra e a namorada o deixou e se casou com outro um mês depois

Ele doou um rim para a sogra e a namorada o deixou e se casou com outro um mês depois

As redes sociais se tornaram ponto de partida para diversas histórias se tornarem virais .

A rede social Tik Tok possui um acervo dessas histórias e recentemente surgiu um desafio onde pessoas contam relatos de desgostos ao ritmo da música “Favorite Crime”, de Olivia Rogrigo.

No desafio, as pessoas contam de forma breve histórias de atos de amor que fizeram em sua vida e que seu parceiro(a) simplesmente não apreciou. Milhares de pessoas compartilharam suas decepções, algumas delas bem dolorosas, mas uma específica chamou a atenção dos internautas.

É a de um jovem que doou um rim para sua sogra e, durante sua recuperação de uma cirurgia, sua namorada terminou com ele para se casar com o amante apenas um mês depois.

O protagonista dessa história é o usuário do Tik Tok @uziel.ms. Ele é professor e reside em Baja California, México.

É possível ver o semblante de tristeza neste vídeo que dura 15 segundos, onde Uziel relata sua breve e triste história.
“Eu doei um rim para a mãe dele, ela me deixou e se casou um mês” ; enquanto a música de fundo diz em inglês: “Todas as coisas que eu fiz só para poder te chamar de minha.”

@uziel.ms #desamor #medejo #novios #girlfriend #fakelove #2022 #fyp #parati ♬ favourite crime austin city limits – zoe (taylor’s version)

Em apenas alguns segundos, este rapaz conseguiu comover milhares de internautas.

O vídeo já conta com mais de 7 milhões de visualizações e 1,5 milhão de “curtidas” e dezenas de milhares de comentários. São essas, as pessoas mostram seu apoio e dizem-lhe que mais tarde ele encontrará uma mulher que realmente o ame e o valorize.

Não há somente esta história comovente. Tem também a de uma menina que relatou que cuidou e ajudou o namorado quando ele teve hemorroidas, inclusive limpava o ânus dele. E a de um rapaz que largou os estudos na Universidade de Harvard para voltar para a namorada, mas ela não aceitou.

A verdade é que existem milhares de histórias tristes e impressionantes que as pessoas preferem deixá-las no anonimato por medo de uma possível repercussão, ou por vergonha de confessá-la.

Essas pessoas foram corajosas em contar sua história e isso certamente causou sentimentos contraditórios em todos que a leram.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

1 Comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.