Curiosidades

Cientistas revivem planta de 32 mil anos de idade na Sibéria

Cientistas revivem planta de 32 mil anos de idade na Sibéria

Uma loucura! Cientistas russos afirmaram que conseguiram fazer uma planta cultivada florescer a partir de material extraído de sementes depositadas no permafrost siberiano (uma camada permanentemente congelada nos níveis superiores do solo) 30.000 anos atrás.

O trabalho de cientistas do Instituto Russo de Biofísica Celular durante 2012 gerou muito entusiasmo na comunidade científica e agora pesquisadores austríacos estão tentando sequenciar o DNA da planta para descobrir como ela poderia sobreviver por tanto tempo.

O material de semente mais antigo conhecido, com o qual eles haviam conseguido criar vida, data de quase 2.000 anos atrás, relatou o escritor científico Ed Yong em um blog da revista Discover, dando detalhes do trabalho pioneiro dos cientistas.

A história começa há mais de 10 anos, quando uma equipe de cientistas russos, húngaros e americanos recuperou as sementes congeladas em 2007.

Essas sementes foram encontradas cobertas de gelo e enterradas 50 metros no solo, nas profundezas do permafrost siberiano. Na época desta descoberta fascinante, este grupo de cientistas estava investigando as tocas de esquilos antigos!




A planta que cresceu a partir dessas sementes era, na verdade, uma Silene stenophylla, uma flor que se parece muito com seu duplo moderno que ainda cresce na Sibéria.

Incrivelmente, essas plantas são da época em que mamutes e tigres dente-de-sabre viviam na Sibéria.

Até hoje, ninguém sabe ao certo como essas sementes conseguiram sobreviver por tanto tempo.

O principal objetivo desta exploração é descobrir se existem alterações nos genes das plantas que podem se adaptar a condições muito secas, quentes ou frias. Essas descobertas podem ser realmente úteis quando se trata de mudanças climáticas e na busca de maneiras de ajudar outras plantas a sobreviver.

Além disso, como o permafrost russo está descongelando, os pesquisadores também serão capazes de investigar mais o ambiente para ver quais fatores podem ter ajudado as sementes a permanecerem viáveis.

Com informação intriper/mymodernmet

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

3 Comentários

  1. I’m now not positive the place you are getting your info, however great topic.
    I needs to spend some time studying much more or understanding more.
    Thanks for wonderful information I was looking for this information for my mission. http://antiibioticsland.com/Tetracycline.htm

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.