Diverso

Abandona a filha e deixa uma mensagem: “Não quero que ela viva o inferno que estou vivendo”

Uma das coisas mais difíceis, mas que sem dúvida devemos praticar, é livrar-se dos preconceitos e tentar não julgar as ações dos outros, principalmente quando não sabemos as razões por trás delas.

Abandona a filha e deixa uma mensagem: “Não quero que ela viva o inferno que estou vivendo”

Uma das coisas mais difíceis, mas que sem dúvida devemos praticar, é livrar-se dos preconceitos e tentar não julgar as ações dos outros, principalmente quando não sabemos as razões por trás delas.

 Publicidade

Nas portas da “Associação das Bem-aventuranças”, uma instituição de caridade católica dirigida pelo padre Omar Sánchez no Peru, foi abandonada uma pequena recém-nascida com fraldas acompanhada apenas de um cobertor, uma mamadeira, leite e esta mensagem comovente:

“Eu não quero que ela viva o inferno que eu estou vivendo.”
As palavras emocionantes bastaram para que o padre Omar recebesse com amor a menina. Orando por ela e por sua mãe, ele tinha certeza de que a decisão de deixar a filha nas mãos da Associação não havia sido fácil para a mulher e, por sua vez, daria tudo de si para garantir um futuro brilhante para o bebê.

Nunca mais se soube sobre a mãe do recém-nascido ou as circunstâncias específicas que a levaram a deixar a filha. Porém, para o padre Omar, o mais importante agora era a pequena, pois sabia que a vida de muitas pessoas está cheia de tragédias, tragédias que os obrigam a tomar decisões difíceis na esperança de garantir um futuro melhor para seus entes queridos.

Como já fazia há muito por outras crianças peruanas em dificuldade, Padre Omar acolheu o bebê em seus braços com a esperança e a certeza de que em breve ela encontraria para ela uma família amorosa que lhe daria o carinho, a alegria e o amor que todas as crianças precisam e merecem.

Se vier do coração e você tiver a possibilidade, lembre-se de apoiar esta ou outra instituição de caridade em sua comunidade. Juntos, solidários com os mais necessitados, é o que vamos fazer.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

1 Comentário

  1. Daniele Cristina dos Santos disse:

    Que Deus abençoe e guarde sempre a pequena e tenha misericórdia dessa mãe.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.